Carregando...
Você está em:  Home  >  Comentário Bíblico  >  Artigo

Doença e cura

Por   /  25 de julho de 2022  /  Sem comentários

    Imprimir       Email

Os Evangelhos contêm a biografia de Jesus bem como uma coletânea de mi­lagres, a maior parte dos ca­sos na área da doença. Desde cegos, leprosos, paralíticos, coxos, etc., até mortos res­suscitou o Senhor Jesus Cristo!

Ficamos fascinados com os relatos de tais curas, todavia isso pertence ao passado, à História. E hoje, como é? Será que podemos esperar atualmente a repetição de se­melhantes milagres?

Num tempo em que a Me­dicina tanto tem avançado, haverá necessidade ainda de Deus intervir curando pes­soas?

É verdade que a Ciência progrediu bastante nestes úl­timos anos, mas também é verdade que a mesma conti­nua sem resposta para muitas das enfermidades que afligem a sociedade! De fato, há mi­lhões de pessoas, no mundo, que sofrem retidas no leito, ou parcialmente incapacita­das de fazerem a sua vida diária

Talvez o amigo leitor seja uma dessas pessoas para quem os médicos já não têm solução, e para si, especial­mente, preparámos esta mensagem.

Ha dois tipos de doença que assolam a nossa socie­dade: as psíquicas e as físi­cas.

  • DOENÇAS DE NATU­REZA PSÍQUICA: Depressão, angústia, ansiedade, medo, insônias, conflitos interiores, ressentimentos, ódio, falta de paz e alegria, etc., são o pão nosso de cada dia.

Acredita-se que mais de setenta por cento das doen­ças físicas têm causas psíquicas! Pessoalmente admito isso.

Enfermidades da alma e do espirito produzem no ser humano sofrimento por vezes atroz. Que o digam todos aqueles que sofrem!

  • DOENÇAS DE NATU­REZA FÍSICA: Também aqui o panorama é negro. Umas doenças mais graves, outras menos, e algumas que só o pronunciar o nome originam calafrios, como o cancro, a sida, a tuberculose, a poliomielite, e tantas outras que nos abstemos de mencionar.

Prezado leitor: qual é o seu caso? Leia com atenção o resto do artigo, pois temos boas notícias para si!

De onde vem tanto mal e sofrimento? Posso garantir-lhe que não vem de Deus, como muitas pessoas imagi­nam.

O Criador não tem prazer no sofrimento de ninguém, antes pelo contrário. Por isso Deus enviou á Terra o Seu único Filho. Jesus, é que o Senhor ama o ser humano, e quando fisicamente palmilhou os caminhos da Palestina curava as pessoas que vinham ter com Ele.

O mal e a dor entraram no mundo por culpa do homem que se rebelou contra o seu Criador. A criatura sofre, via de regra, porque encontra-se longe de Deus. Deus, contudo, pode e quer mudar essa situação Neste preciso momento Jesus está junto do leitor ou leitora, embora não O veja com os Olhos. Ele encontra-se bem perto de si, e se o leitor tem fé – mesmo pequena que seja – poderá receber o milagre de cura.

A Escritura Sagrada, vul­garmente conhecida por Bí­blia, afirma que Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e eternamente! Isso quer dizer que mesmo agora o Filho de Deus está interessado em acabar com o seu sofrimento. Sim. Jesus não muda. Jesus é imutável, porque é Deus.

Os dois maiores milagres da vida podem acontecer-lhe de uma só vez, prezado leitor salvação e cura. E o leitor necessita de ambos!

Pessoalmente sou teste­munha ocular de milagres que Deus tem operado, quer em vidas transformadas, quer em pessoas curadas, as quais hoje desfrutam felicidade e saúde pelo poder de Deus!

Amigo leitor procure orar a Deus, ao Todo-Poderoso, e se o não sabe fazer, então diga a Deus, com fé, estas pala­vras: Senhor Jesus, creio em Ti como meu Salvador, pois na cruz do Calvário morreste em meu lugar. Também creio em Ti como o meu médico onipotente para me curares dos males que me afligem. Agora mesmo. Senhor, creio e recebo de Ti, pela fé, a salvação e a cura. Amém.

SILVINO ANSELMO

REVISTA: NOVAS DE ALEGRIA – ABRIL 1994

 

    Imprimir       Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *