Carregando...
Você está em:  Home  >  Adventismo  >  Artigo

O que dizem os Adventistas sobre Judas 7

Por   /  28 de março de 2019  /  Sem comentários

    Imprimir       Email

“Judas 7, por exemplo, diz que Sodoma e Gomorra “são postas para exemplo de fogo eterno, sofrendo punição”. É evidente que estas cidades não estão queimando até hoje” (Nisto Cremos, p. 480).

Refutação

O problema com a interpretação acima é que o texto não diz que as cidades sofreram “a pena do fogo eterno”. As cidades “foram postas por exemplo”. O particípio “sofrendo” esclarece como elas foram postas aos olhos dos homens daqueles dias. Os aniquilacionistas estão incorretos quando interpretam “fogo eterno” (v. 7), (punição) em lugar de deigma (exemplo ou sinal). As duas cidades foram postas como exemplo do fogo eterno (pyros aioniou), sofrendo punição. Comparando Judas 7 com Mt 11.24, se lê que “haverá mais rigor para os de Sodoma no dia do Juízo” do que para as cidades que presenciaram milagres de Jesus e não se converteram (Mt 11.23).

    Imprimir       Email
  • Publicado: 5 meses atrás em 28 de março de 2019
  • Por:
  • Última modificação: março 28, 2019 @ 11:36 am
  • Arquivado em: Adventismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *